Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018 - ANUNCIE FAÇA SEU CADASTRO
Farmácia de Plantão: Droga Centro
Facebook Twitter Instagram

Cascalho realiza festa da Befana

Publicado: 21/12/2016 às 10:33:01
A comunidade de Cascalho realiza no dia 07 de janeiro a tradicional festa italiana, a Festa della Befana. 

Será uma noite com muitas comemorações e às 19hs tem a missa da Epifania e a partir das 20hs apresentação da Companhia de Folia de Reis de Cordeirópolis, teatro das befanas e após as apresentações haverá uma confraternização e distribuição de doces para as crianças.

A comunidade avisa que a confraternização será comunitária, portanto, cada família deverá levar um prato de salgado ou doce.

A festa da Befana na Itália, como nasceu a lenda?
Lá na Itália, logo após o Natal as casas se enchem de meias penduradas nas janelas e portas, são as crianças que esperam a Befana, e se foram boazinhas durante o ano, receberão um presente… e o presente é sempre um doce.

Mas onde nasceu a lenda da Befana ?
A primeira vez que se falou em “Befana”, foi já no século XIV, quando Francesco Berni, a descreveu como um “tipo de fantoche exposto na noite antecedente a epifania”. Tradicionalmente, esta é a noite em que os Reis Magos visitam Jesus.

A origem da Lenda
As origens da lenda da Epifania são pagãs. Nos tempos antigos, os romanos acreditavam que no prazo de 12 dias após o solstício de inverno seria celebrado a morte e renascimento da Mãe Natureza. E mais uma vez de acordo com os nossos antepassados, as doze figuras femininas lideradas por Diana, a deusa da lua e da vegetação, voariam sobre os campos para torná-los férteis.

Obviamente, a Igreja condenou essas crenças como más influências diabólicas e do mal. E através de misturas das religiões ao longo dos séculos na Idade Média, chegou-se à Befana de hoje, uma velhinha boazinha, mas próxima a imagem de uma bruxa boa.

Este aspecto da idosa pode ter surgido como uma representação do “ano passado”. Quase todos os lugares da que se comemora hoje a Epifania, a befana é representada por um boneca de madeira vestida como uma idosa.

Outras fontes
Há também outras versões da lenda da Befana: argumenta-se que nasceu de um festival romano ligado à troca de presentes. Outros acreditam que está relacionado com as deusas mitológicas germânicas da natureza invernal, das amigas Holda e Berchta.

Enquanto na versão “católica”, a lenda nasce com a história dos Reis Magos que durante a sua viagem a Belém para conhecer o menino Jesus e doar os presentes, eles se perdem na estrada e encontram uma senhora idosa que lhes ajudou, porém não quis acompanha-los.

Depois essa senhora se sentou em culpa por não poder acompanha-los e decidiu levar também um presente a Jesus, mas não encontrando os Magos e nem a manjedoura, decidiu parar em todas as casas para dar doces para todas as crianças. Desde então, de acordo com esta lenda, a Befana passou a girar o mundo dando presentes a todas as crianças.

Ela traz doces
Hoje porém, a tradição diz que noite entre os dias 5 e 6 de janeiro uma senhora idosa, suba em sua vassoura e vai de casa em casa para deixar doces e presentes para as crianças boas e carvão (hoje se dá um doce em forma de carvão de cor preta) para as crianças que não se comportaram bem.

No resto da Itália e na Europa
Em muitos países da Europa é uso queimar o boneco coberto de roupas usadas no início do ano. Às vezes dentro do boneco vai recheado com doces.


Fonte: JE10
Cascalho realiza festa da Befana
Portal JE10 - © Copyright 2007/2018 - Telefone: (19) 3546-5042
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.
Desenvolvimento de Sites e Lojas Virtuais